Pular para o conteúdo

Liturgia Diária


2ª-FEIRA DA 34ª SEMANA - TEMPO COMUM

Tinham a fronte marcada com o nome de Cristo e o do seu Pai.
Leitura do Livro do Apocalipse de São João 14, 1-3. 4b-5
Eu, João:
Tive esta visão: o Cordeiro estava de pé sobre o monte Sião. Com ele, os cento e quarenta e quatro mil que tinham a fronte marcada com o nome dele e o nome do seu Pai.
Ouvi uma voz que vinha do céu; parecia o barulho de águas torrenciais e o estrondo de um forte trovão. O ruído que ouvi era como o som de músicos tocando harpa.
Estavam diante do trono, diante dos quatro Seres vivos e dos Anciãos, e cantavam um cântico novo. Era um cântico que ninguém podia aprender; só os cento e quarenta e quatro mil marcados, que foram resgatados da terra.
Eles seguem o Cordeiro aonde quer que vá. Foram resgatados do meio dos homens, como primeira oferta a Deus a ao Cordeiro.
Na sua boca nunca foi encontrada mentira. São íntegros!
Palavra do Senhor.
É assim a geração dos que buscam vossa face, ó Senhor, Deus de Israel.
Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra, / o mundo inteiro com os seres que o povoam; porque ele a tornou firme sobre os mares, / e sobre as águas a mantém inabalável.
R.
'Quem subirá até o monte do Senhor, / quem ficará em sua santa habitação?''Quem tem mãos puras e inocente coração, quem não dirige sua mente para o crime.
R.
Sobre este desce a bênção do Senhor / e a recompensa de seu Deus e Salvador'. 'É assim a geração dos que o procuram, / e do Deus de Israel buscam a face'.
R.
Viu também uma pobre viúva
que depositou duas pequenas moedas.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 21, 1-4
Naquele tempo:
Jesus ergueu os olhos e viu pessoas ricas depositando ofertas no tesouro do Templo.
Viu também uma pobre viúva que depositou duas pequenas moedas.
Diante disto, ele disse: 'Em verdade vos digo que essa pobre viúva ofertou mais do que todos.
Pois todos eles depositaram, como oferta feita a Deus, aquilo que lhes sobrava. Mas a viúva, na sua pobreza, ofertou tudo quanto tinha para viver. '
Palavra da Salvação.

APRESENTAÇÃO DE NOSSA SENHORA - SANTORAL

Rejubila, alegra-te, cidade de Sião,
eis que venho para habitar no meio de ti.
Leitura da Profecia de Zacarias 2, 14-17
`Rejubila, alegra-te, cidade de Sião, eis que venho para habitar no meio de ti, diz o Senhor.
Muitas nações se aproximarão do Senhor, naquele dia, e serão o seu povo. Habitarei no meio de ti, e saberás que o Senhor dos exércitos me enviou a ti.
O Senhor entrará em posse de Judá, como sua porção na terra santa, e escolherá de novo Jerusalém.
Emudeça todo mortal diante do Senhor, ele acaba de levantar-se de sua santa habitação'.
Palavra do Senhor.
O Senhor se lembrou de mostrar sua bondade.
A minh'alma engrandece ao Senhor, e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador,
R.
pois, ele viu a pequenez de sua serva, / eis que agora as gerações hão de chamar-me de bendita. O Poderoso fez por mim maravilhas / e Santo é o seu nome!
R.
Seu amor, de geração em geração, / chega a todos que o respeitam. Demonstrou o poder de seu braço, / dispersou os orgulhosos.
R.
Derrubou os poderosos de seus tronos / e os humildes exaltou. De bens saciou os famintos / e despediu, sem nada, os ricos.
R.
Acolheu Israel, seu servidor, / fiel ao seu amor, como havia prometido aos nossos pais, / em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.
R.
E, estendendo a mão para os discípulos, Jesus disse:
'Eis minha mãe e meus irmãos.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 12, 46-50
Naquele tempo:
Enquanto Jesus estava falando às multidões, sua mãe e seus irmãos ficaram do lado de fora, procurando falar com ele.
Alguém disse a Jesus: 'Olha! Tua mãe e teus irmãos estão aí fora, e querem falar contigo. '
Jesus perguntou àquele que tinha falado: 'Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?'
E, estendendo a mão para os discípulos, Jesus disse: 'Eis minha mãe e meus irmãos.
Pois todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe. '
Palavra da Salvação.