Liturgia Diária


5ª-FEIRA DA 2ª SEMANA - PÁSCOA

Disso somos testemunhas, nós e o Espírito Santo.
Leitura dos Atos dos Apóstolos 5, 27-33
Naqueles dias:
Eles levaram os apóstolos e os apresentaram ao Sinédrio. O sumo sacerdote começou a interrogá-los,
dizendo: 'Nós tínhamos proibido expressamente que vós ensinásseis em nome de Jesus. Apesar disso, enchestes a cidade de Jerusalém com a vossa doutrina. E ainda nos quereis tornar responsáveis pela morte desse homem!'
Então Pedro e os outros apóstolos responderam: 'É preciso obedecer a Deus, antes que aos homens.
O Deus de nossos pais ressuscitou Jesus, a quem vós matastes, pregando-o numa cruz.
Deus, por seu poder, o exaltou, tornando-o Guia Supremo e Salvador, para dar ao povo de Israel a conversão e o perdão dos seus pecados.
E disso somos testemunhas, nós e o Espírito Santo, que Deus concedeu àqueles que lhe obedecem. '
Quando ouviram isto, ficaram furiosos e queriam matá-los.
Palavra do Senhor
Este infeliz gritou a Deus e foi ouvido.
Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia.
Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, / seu louvor estará sempre em minha boca. Provai e vede quão suave é o Senhor! / Feliz o homem que tem nele o seu refúgio!
R.
mas ele volta a sua face contra os maus, / para da terra apagar sua lembrança. Clamam os justos, e o Senhor bondoso escuta / e de todas as angústias os liberta.
R.
Do coração atribulado ele está perto / e conforta os de espírito abatido. Muitos males se abatem sobre os justos, / mas o Senhor de todos eles os liberta.
R.
O Pai ama o Filho e entregou tudo em sua mão.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João 3, 31-36
-'Aquele que vem do alto está acima de todos. O que é da terra, pertence à terra e fala das coisas da terra. Aquele que vem do céu está acima de todos.
Dá testemunho daquilo que viu e ouviu, mas ninguém aceita o seu testemunho.
Quem aceita o seu testemunho atesta que Deus é verdadeiro.
De fato, aquele que Deus enviou fala as palavras de Deus, porque Deus lhe dá o espírito sem medida.
O Pai ama o Filho e entregou tudo em sua mão.
Aquele que acredita no Filho possui a vida eterna. Aquele, porém, que rejeita o Filho não verá a vida, pois a ira de Deus permanece sobre ele'.
Palavra da Salvação.

SÃO LUÍS GRIGNON DE MONTFORT, RELIGIOSO - SANTORAL

Nós pregamos Cristo crucificado.
Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios 1, 18-25
Irmãos:
A pregação a respeito da cruz é uma insensatez para os que se perdem, mas para os que se salvam, para nós, ela é poder de Deus.
Com efeito, está escrito: 'Destruirei a sabedoria dos sábios e frustrarei a perspicácia dos inteligentes'.
Onde está o sábio? Onde o mestre da Lei? Onde o questionador deste mundo? Acaso Deus não mostrou a insensatez da sabedoria do mundo?
De fato, na manifestação da sabedoria de Deus, o mundo não chegou a conhecer Deus por meio da sabedoria; por isso, Deus houve por bem salvar os que crêem por meio da insensatez da pregação.
Os judeus pedem sinais milagrosos, os gregos procuram sabedoria;
nós, porém, pregamos Cristo crucificado, escândalo para os judeus e insensatez para os pagãos.
Mas para os que são chamados, tanto judeus como gregos, esse Cristo é poder de Deus e sabedoria de Deus.
Pois o que é dito insensatez de Deus é mais sábio do que os homens, e o que é dito fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.
Palavra do Senhor.
Ide, por todo o mundo, a todos pregai o Evangelho.
Cantai louvores ao Senhor, todas as gentes, / povos todos, festejai-o!
R.
Pois comprovado é seu amor para conosco, / para sempre ele é fiel!
R.
Convertei-vos e crede no Evangelho!
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos 1, 14-20
Depois que João Batista foi preso, Jesus foi para a Galiléia, pregando o Evangelho de Deus e dizendo:
'O tempo já se completou e o Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho!'
E, passando à beira do mar da Galiléia, Jesus viu Simão e André, seu irmão, que lançavam a rede ao mar, pois eram pescadores.
Jesus lhes disse: 'Segui-me e eu farei de vós pescadores de homens'.
E eles, deixando imediatamente as redes, seguiram a Jesus.
Caminhando mais um pouco, viu também Tiago e João, filhos de Zebedeu. Estavam na barca, consertando as redes;
e logo os chamou. Eles deixaram seu pai Zebedeu na barca com os empregados, e partiram, seguindo Jesus.
Palavra da Salvação.